Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2011

Os sorrisos de Dilma

Déda reúne secretários para discutir corte no orçamento estadual e reforma administrativa

Na manhã deste sábado, 26, o governador Marcelo Déda promoveu uma reunião com integrantes do secretariado para discutir ajustes finais no projeto de reforma administrativa da administração estadual, além de medidas de contingenciamento do orçamento 2011. A meta é contingenciar 12% do orçamento, representando um montante aproximado de R$ 600 milhões. A reunião ocorreu no Palácio de Veraneio.

O foco é buscar a redução, sobretudo, na área do custeio, com a premissa de não comprometer as obras em andamento. “O compromisso do governo é não paralisar as obras em andamento, nem comprometer os investimentos do Estado e o seu consequente benefício social com a geração de emprego e renda, além de manter os recursos e as obras necessárias aos sergipanos”, destacou o secretário de Estado da Comunicação, Carlos Cauê, que também acompanhou a reunião.

Reforma administrativa

A outra temática abordada na reunião referiu-se às adequações exigidas a partir da reforma administrativa que o Go…

Dilma pede pente-fino no projeto de Franklin Martins que regula mídia

Por João Domingos, de O Estado de S. Paulo

A presidente Dilma Rousseff determinou ao ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, que faça um "pente-fino" no projeto do ex-ministro Franklin Martins (Comunicação Social) que regulamenta o setor de comunicações e telecomunicações. Dilma não quer que no projeto apareça qualquer termo que lembre uma tentativa de controle do conteúdo dos meios de comunicação. "É um texto que eu não tenho domínio total e que tem grandes chances de ter uma besteira no meio", disse o ministro Paulo Bernardo, nesta quinta-feira, 24, num seminário sobre políticas de telecomunicações. E essa "besteira" que porventura exista no texto, segundo Paulo Bernardo, pode pôr tudo a perder. "Aparecendo, todo mundo vai pegar por aí", disse ele, ao explicar por que não libera o texto do projeto nem para os meios de comunicação nem para consulta pública.

"É preciso deixar claro - continuou o ministro - que esse projeto vai tratar apen…

Alckmin elogia Dilma

O governador Geraldo Alckmin, PSDB, elogiou ontem o desempenho da presidente Dilma Rousseff, PT, após a primeira reunião de trabalho dos dois em São Paulo. "Ela sabe todos os números, tem tudo na ponta da língua. É muito preparada", disse o tucano sobre a entrevista.

Dilma recebeu o governador, o prefeito Gilberto Kassab, DEM, e o ministro Orlando Silva (Esportes) no escritório da Presidência da República em São Paulo em reunião para tratar dos preparativos para a Copa do Mundo.

Márcio defende que reforma política ocorra neste ano

Reforma política, reajuste do salário mínimo e defesa do meio ambiente, com ênfase na discussão do novo Código Florestal Brasileiro. Estes foram os principais temas abordados durante a sabatina feita ao deputado federal Márcio Macêdo (PT) na 12ª edição do NósnoCabaré.comConvidados, que ocorreu nesta quinta-feira, 24. Por mais de duas horas, o parlamentar respondeu a todos os questionamentos que lhe foram feitos, revelando sua disposição em participar das principais discussões políticas relacionados ao desenvolvimento do país e de Sergipe.

Em todos os momentos, Márcio Macêdo ressaltou a importância da abertura do diálogo para o aprofundamento dos debates e para o alcance dos objetivos mais justos para a sociedade brasileira. Sobre a reforma política, ele disse ser importante que a temática entre em pauta no Congresso Nacional ainda em 2011. “A reforma política tem que ser aprovada este ano. Isto é imperativo para o Brasil porque, do contrário, enfrentaremos muitos problemas nas próxim…

Jackson afirma que não apóia posicionamento de Robson e manda ele "tomar juízo"

O vice-governador Jackson Barreto (PMDB) ficou visivelmente irritado e afirmou não concordar com a entrevista concedida ontem pelo vereador Robson Viana (PT), que se mostrou insatisfeito com o PT e chegou a dizer que há uma inércia no governo – o que estaria deixando o vice-governador impaciente. “Jackson é meu mentor político, mas eu o conheço bem e sei que ele está angustiado”, disse o vereador.
Em tom incisivo Jackson garantiu que não tem nenhuma responsabilidade sobre as declarações de Robson Viana e afirmou que foi surpreendido com a entrevista e o anúncio de que o vereador poderia sair do PT. “Não apóio essa posição dele. Robson nunca debateu esse tema comigo, nunca apoiei, nunca chancelei, e não concordo com este posicionamento”, falou Jackson.
Ele ainda desautorizou Robson a falar em seu nome e se mostrou muito insatisfeito com a idéia de que ele teria discutido e concordado com o pronunciamento do vereador petista. “Quero dizer a meu amigo Robson que quando der entrevista, quan…

Senado instala sua comissão para a reforma política

Por Josias de Souza, da Folha de S. Paulo José Sarney (PMDB-AP) instala nesta terça (22) a comissão que vai redigir a proposta de reforma política do Senado. É composta de 15 senadores. Presidirá os trabalhos Francisco Dornelles (PP-RJ). O prazo para o encerramento é de 45 dias.

Instalada sob pompa, no plenário do Senado, o principal desafio da comissão será o de não tropeçar nas circunstâncias. Na pauta desde 1988, ano em que o Brasil deslizou da ditadura para a democracia, a reforma política frequenta o cenário como projeto à espera de realização.

Produziram-se inúmeros remendos legislativos, jamais uma reforma digna do nome. Por quê? Primeiro porque a corporação não legisla senão em causa própria. Segundo porque a matéria suscita polêmicas que fazem do consenso uma utopia irrealizável. Tenta-se agora aproveitar a atmosfera "recomeço" proporcionada pela posse de Dilma Rousseff.

Afora as complicações usuais, há um entrave adicional: o Senado vai à mesa dissociado da Câmara. …

Dilma: "Imprensa livre e investigativa é imprescindível"

Por Josias de Souza, da Folha de S. Paulo

Dilma Rousseff participou, na noite desta segunda (21), da celebração dos 90 anos da ‘Folha de S.Paulo’. Discursou para uma platéia de cerca de 1.200 convidados. Fez uma defesa enfática da liberdade de expressão. E falou sobre o “novo desafio” da imprensa.

Aqui, em vídeo e texto, a íntegra do discurso da presidente da República. Ela falou por 10min22s.

A certa altura, disse que o governo "deve saber conviver com as críticas dos jornais para ter um compromisso real com a democracia". Noutro trecho, aditou: "Livre, plural e investigativa, a imprensa é imprescindível para a democracia num país como o nosso, que, além de continental, agrega diferenças culturais".

No final, repisou raciocínio que já havia levado aos microfones noutras ocasiões: “Nesse Brasil com uma democracia tão nova, todos nós devemos preferir um milhão de vezes os sons das vozes críticas de uma imprensa livre ao silêncio das ditaduras”.

Para Dilma, “o jornali…

Governadores do NE apresentam carta de compromisso e de reivindicações

Íntegra da carta dos governadores disponibilizada a pouco, ao final do Fórum dos Governadores do Nordeste:

Os governadores dos Estados Nordestinos e de Minas Gerais, reunidos em 21 de fevereiro de 2011 no município da Barra dos Coqueiros, Estado de Sergipe, agradecem a presença da presidenta Dilma Rousseff no XII Fórum dos Governadores do Nordeste, o primeiro na vigência do seu mandato presidencial, e reconhecem na sua participação a disposição para o diálogo e o compromisso com a continuidade do desenvolvimento econômico e social do Nordeste.

Juntos, os governadores reforçam e enfatizam o compromisso de buscar a erradicação da miséria em todo o País, apoiando a meta prioritária definida pela Presidenta da República, e em especial no semiárido nordestino. Precisamos superar definitivamente essa agenda centenária com a soma de esforços de todas as esferas de governo, meta que unifica todos os governos dos Estados e a União.

O Nordeste trilhou, nos últimos anos, avanços substantivos no …

Danilo é o mais cotado para ser novo líder de Edvaldo na Câmara

Com a saída do vereador Élber Batalha Filho, PSB, da Câmara para assumir a Secretaria de Estado do Turismo, o prefeito Edvaldo Nogueira, PC do B, perde o seu líder no parlamento. Para o lugar de Élber, o nome mais cotado é de Danilo Segundo, também do PSB. Além dele, existe a possibilidade da vereadora Rosângela Santana, PT, assumir a função. Ainda nesta semana, o prefeito deve anunciar o novo líder.

Procurados por este jornalista, Danilo e Rosângela não confirmaram a possibilidade de acumular a função de defesa do prefeito, mas dois vereadores da base aliada garantiram que a escolha ficará entre eles. Um terceiro parlamentar, no entanto, disse que a tendência maior é que Danilo seja o escolhido. "Ele é do PSB, partido fiel ao prefeito, e é mais jovem, tem mais disposição", avaliou a fonte.

Para Rosângela, 'o líder é alguém da escolha pessoal do executivo, alguém que deve ter uma sintonia muito forte com o prefeito'. "Todos da base podem ser chamados…

Dilma afirma que cortes não afetarão investimentos no Nordeste

Por Breno Costa, da Folha de S. Paulo

Em seu mais longo discurso desde que tomou posse, com 47 minutos de duração, a presidente Dilma Rousseff buscou tranquilizar os governadores do Nordeste reunidos para um fórum regional em Sergipe e negou que o corte de R$ 50 bilhões no Orçamento anunciado pelo governo afetará investimentos na região.

Ao falar pela primeira vez sobre os cortes, aos quais chamou de "consolidação fiscal" e que deverão ser detalhados nesta semana pelo Ministério do Planejamento, Dilma afirmou que estão livres da tesourada o PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), o programa Minha Casa, Minha Vida, os investimentos relacionados à Copa do Mundo, além do Programa Emergencial de Financiamento, do BNDES (Banco Nacional do Desenvolvimento).

A presidente buscou diferenciar o contexto do freio orçamentário atual ao esforço fiscal de 2003, primeiro ano do governo Lula, quando foram contingenciados cerca de R$ 14 bilhões. Segundo ela, os cortes não a…

Márcio faz primeiro pronunciamento no Grande Expediente da Câmara

O deputado federal Márcio Macêdo (PT) falará pela primeira vez no Grande Expediente da Câmara nesta sexta-feira, 18, a partir das 9h. Em seu primeiro discurso, o deputado reafirmará os compromissos firmados com o povo sergipano durante a campanha eleitoral, dirá de suas expectativas diante do mandato que se inicia e dará enfoque a importância de se rediscutir a reforma do Código Florestal Brasileiro.

Em menos de três semanas, Márcio tem alcançado importantes espaços na Câmara. Foi dele o requerimento que pede a criação de um grupo de trabalho para reapreciação do Código Florestal Brasileiro. A proposta foi bem aceita entre os deputados do núcleo ambiental do PT e incorporada pela Frente Parlamentar Ambientalista. Além disso, o presidente da Câmara, Marco Maia, PT, acatou a solicitação de Márcio Macêdo e se comprometeu em criar uma comissão para discutir o assunto.

A sessão desta sexta-feira poderá ser acompanhada pela TV Câmara (disponível para quem possui antena parabólica e para T…

Requerimento de Márcio Macêdo que pede rediscussão de Código Florestal é acatado por Marco Maia

O requerimento de autoria do deputado federal Márcio Macêdo (PT) que pede a criação de um grupo de trabalho para rediscutir a reforma do Código Florestal foi aprovado nesta quarta-feira, 16, pela Frente Parlamentar Ambientalista. O documento já havia sido protocolado no último dia 10 na Câmara Federal e foi assumido nesta quarta-feira pela Frente Parlamentar. Na terça-feira, 15, o núcleo de meio ambiente do PT também aprovou a ideia da criação do grupo para reabrir a discussão do código.

Após a reunião na manhã desta quarta-feira, a Frente Parlamentar participou de audiência com o presidente da Câmara, deputado federal Marco Maia (PT/RS), quando na oportunidade o deputado Márcio Macedo entregou o requerimento de criação do grupo. O presidente se comprometeu em acatar a ideia e criar uma comissão, formada por deputados ambientalistas, ruralistas e representantes do Governo.

“Precisamos ter um maior tempo para discutir. Não está correto um código que foi feito no século XX ser r…

Márcio Macedo entra com ação contra Goisinho e George Washington

O deputado federal Márcio Macedo (PT) entrou ontem, 14, com uma ação cível contra o presidente do Sindicato dos Jornalistas de Sergipe, George Washington, e contra o presidente do Instituto Acauã, Antônio José de Góis, o Goisinho. Os dois acusam o deputado federal de favorecer a empresa Estre Ambiental na concessão de uma licença ambiental para instalação de um aterro sanitário em Rosário do Catete.

A denúncia já foi rejeitada pelo Ministério Público Estadual (MPE) na semana passada. Em entrevista de rádio na manhã de hoje, Márcio Macedo disse que “a denúncia é de uma irresponsabilidade sem tamanho”. Na quarta-feira, 16, o deputado entrará com uma ação criminal contra Washington e Goisinho.

“A denúncia é feita toda em cima de suposições. Ela faz supor que a empresa doou R$ 2,7 milhões ao PT e supõe que o partido transferiu parte deste valor para minha campanha e que por isso, eu facilitei as licenças ambientais para esta empresa quando fui secretário”, afirmou Márcio. Para…

Edvaldo anuncia secretariado na 2ª; Fábio Mitidieri pode assumir Esporte

O prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PC do B), anuncia nesta segunda-feira, 14, às 15h, as alterações no secretariado. Pelo que se especula haverá um número considerável de mudanças.

Há três semanas, o prefeito me disse que os únicos que se manteriam no cargo eram Marcos Cardoso (Comunicação), Jeferson Passos (Finanças) e Silvio Santos (Saúde). Bosco Rolemberg, que hoje responde pela Chefia do Gabinete também foi citado por Edvaldo como certeza como secretário, mas que poderia mudar de pasta.

No início desta semana, o prefeito confirmou pelo Twitter os nomes que já havia me falado e acrescentou o nome de Dulcival Santana (Planejamento). Também pela rede social, Edvaldo informou que na próxima semana deve enviar projeto de lei à Câmara Municipal de Vereadores criando a Secretaria Municipal de Esportes, que atualmente integra uma diretoria da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Esportes (Funcaju).

Para a nova pasta, o vereador Fábio Mitidieri (PDT) é o nome mais cotado. Na ve…

"Se João quiser, será o melhor nome e terá todo meu apoio", diz Mendonça

"Eu tenho o desejo de ser candidato a prefeito de Aracaju e tenho o direito de abrir esta discussão dentro do meu partido". A declaração foi feita pelo deputado federal Mendonça Prado (DEM), em entrevista ao radialista Gilmar Carvalho, durante o programa Jornal da Ilha, na manhã desta quinta-feira (10). "Se tem uma coisa da qual não tenho medo é de urna porque confio no meu povo", sentenciou o demista, lembrando que ganhou sete mandatos eletivos, sempre pelo DEM, e com expressiva votação em Aracaju.

O parlamentar disse que "o povo gosta quando o político tem lado, tem posição política, tem coerência e fidelidade". "Não quero ter nenhum cargo na PMA, nem no Governo do Estado, enquanto o PT e o PC do B estiverem no comando. Respeito Marcelo Déda e Edvaldo Nogueira, mas não desejo aproximação com eles e estarei sempre à disposição quando a minha presença for necessária para tratar assuntos de interesse da população. Isto é ter posição polí…

Jackson no Twitter: satisfeito com Eliane Aquino na Inclusão Social e comentários sobre visita de Déda e Edvaldo

Diretores do Detran e do Ipes do Governo João terão que devolver R$ 13 milhões ao Estado

Por Valter Lima, publicada originalmente no Cinform

Mais de R$ 13,4 milhões. Toda esta dinheirama terá que ser devolvida aos cofres públicos pelos antigos gestores do Departamento Estadual de Trânsito - Detran (Ytimbira Paixão) - e do Instituto de Previdência do Estado - Ipes Saúde (José Lima de Santana) - que entre os anos de 2004 e 2006 firmaram uma série de contratos com a organização não-governamental Saúde Sergipe - Sase -, que agora foram considerados ilegais pela Justiça. A decisão é do Tribunal de Justiça de Sergipe - TJ/SE -, através do juiz Marcos de Oliveira Pinto, a partir de auditoria realizada pela Controladoria Geral do Estado. Os envolvidos ainda podem recorrer.

De acordo com o processo iniciado através de uma ação popular, contratos foram firmados entre o Governo do Estado na gestão de João Alves Filho, DEM, e a ONG Sase sem a realização de processo licitatório. Mas os problemas não se limitam a isso. Vão além. "Além da aplicação de recursos públicos…

Dilma defende ação conjunta com Congresso para aprovar reformas

Em mensagem aos parlamentares no início do ano legislativo do Congresso, a presidente Dilma Rousseff se comprometeu nesta quarta-feira a trabalhar em conjunto com a Casa Legislativa para aprovar as reformas política e tributária.

Ao citar a necessidade uma reforma política, a presidente foi aplaudida, num momento de maior descontração. "Trabalharemos em conjunta com essa Casa para a retomada da agenda da reforma política", afirmou Dilma, cortada por aplausos dos deputados e senadores. Diante da interrupção, disse: "Vou até repetir". Ao repetir a frase, foi novamente aplaudida. A presidente reagiu com um sorriso.

Ela afirmou que "são necessárias mudanças [no sistema político] que fortaleçam o caráter programáticos dos partidos brasileiros e deem mais transparência ao conjunto da atividade pública".
Sobre a reforma tributária, Dilma defendeu a simplificação, a racionalização e a modernização do sistema.

Erradicação da miséria

Dilma destacou ainda …