Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2010

Homossexualidade na África e no Brasil: extremos da aceitação e do preconceito

Duas reportagens sobre a homossexualidade me chamaram a atenção neste começo de semana. A primeira – exibida ontem no Fantástico – mostra que em Uganda, na África, um deputado propôs um projeto que deve condenar gays à pena de morte. A segunda matéria – e que foi manchete do Jornal da Cidade de ontem – revela quem em Sergipe a Justiça reconheceu quatro uniões homoafetivas de junho de 2009 até hoje. Ou seja, enquanto nesta parte do mundo, as ações pró-homossexuais avançam, do outro lado do oceano, a situação para gays e lésbicas tende a piorar com o surgimento de uma lei que levará a morte todos aqueles que se declararem homossexuais ou que forem denunciados pela sua orientação sexual. Situação paradoxal!

De acordo com a reportagem do Fantástico, a homossexualidade já é crime em Uganda, mas só há prisão em caso de flagrante. A maioria da população do país africano concorda com o projeto. Na visão do Governo, ‘combatendo’ a homossexualidade se combate a Aids. Um milhão de pessoas tem o v…

Pedofilia, Igreja Católica e a incapacidade de lidar com o problema

Falar em Igreja Católica hoje é fazer uma associação automática aos muitos casos de pedofilia que se tornam públicos a cada dia. Não só no Brasil e não restritas à Europa, as denúncias de padres que praticam atos sexuais com crianças e adolescentes surgem em todos os lugares do mundo. Prato cheio para a imprensa, o assunto tem tomado as manchetes de jornais e sites e lotado o noticiário da TV e os programas investigativos.

Para além da avaliação dessa cobertura e da abordagem dos meios de comunicação, duas reportagens, em especial, chamaram minha atenção nos últimos dias. Ambas da Folha de São Paulo, as matérias – uma em formato de entrevista e a outra como artigo – trazem opiniões bem interessantes de dois especialistas no tema.

No dia 11 de abril de 2010, o caderno “Mais” trouxe o texto “De má fé”, de John Cornwell, que afirma que os escândalos de pedofilia ameaçam se transformar na “mais grave crise na história moderna”. Já no último dia 19, a “Entrevista da 2ª” dialoga com jornalist…

O Huse e os índices alarmantes

Assustador. Alarmante. Aterrador. Estes são apenas alguns dos adjetivos que podemos usar para qualificar a informação de que a taxa de mortalidade no Hospital de Urgência de Sergipe – Huse – durante o ano de 2009 variou entre 43% e 75% na ala amarela. Ou seja, de cada 10 pessoas que adentraram no João Alves neste setor para receber algum tipo de atendimento, quatro morreram no melhor dos cenários, e sete no pior. São dados chocantes (sendo redundante, propositadamente).
O que assusta mesmo é capacidade do Governo em não reconhecer o problema e insistir na afirmação de que estão sendo investidas centenas de milhões em Saúde no Estado, enquanto o
cidadão comum não percebe a melhoria do serviço, quando precisa. É complicado aceitar que
todas as denúncias feitas diariamente na mídia são eleitoreiras ou que representam apenas
uma minoria insatisfeita. Sabemos que essa não é a verdade.

Na audiência do Ministério Público Estadual, o diretor do Huse, Francisco Claro, disse que o índice apresentad…

Arruda: a prisão, a lição e ele (bem) longe da política

Após dois meses, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) mandou soltar o ex-governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda na noite de ontem. Visivelmente abatido (veja na foto ao lado), Arruda deixou a sede da Polícia Federal acompanhado da esposa e do advogado. Os ministros do STJ entenderam que o ex-governador não tem como influir mais nas investigações, já que não mais ocupa um cargo político.

Pela primeira vez um governador no exercício do mandato havia sido preso no Brasil. Arruda, que está sem partido desde que estourou o escândalo do mensalão no Governo do Distrito Federal no final do ano passado, teve sua prisão decretada pelo STJ depois de se envolver pela segunda vez em um ato de corrupção. Com o objetivo de desacreditar a primeira denúncia, o governador cometeu um novo erro ao tentar subornar um jornalista para que afirmasse que os vídeos que mostram políticos de Brasília recebendo dinheiro de suposta propina foram manipulados.

Errou uma vez, errou duas vezes. A prisão até…

Chico Xavier: inspiração, independente de credo

Difícil transformar em palavras, sem soar demagógico, o que senti ao assistir “Chico Xavier”. O filme é um dos grandes acertos do cinema brasileiro e, para além da discussão estética do enredo, da iluminação e da verossimilhança, a história de Francisco Cândido consegue mexer com o maior dos ateus, consegue criar dúvidas na cabeça de descrentes e faz refletir os religiosos mais fervorosos. É uma grande história. Chico Xavier foi um grande homem. E sem nenhuma dúvida ou juízo de valor, ele cumpriu com a missão que lhe foi dada. Seja por quem tenha sido dada.

Já estudei o Espiritismo, segundo os ensinamentos de Allan Kardek, depois disso, durante quase dez anos fui evangélico e hoje, depois de algumas reviravoltas da vida, me defino com um alguém sem religião ou com um lado espiritual independente dela. Mas sou cristão, acredito em Deus e creio que Jesus Cristo morreu e ressuscitou. Disso não tenho dúvidas. Tenho fé nisso. Mas o objetivo deste post não é falar das minhas ‘peregrinações’ …

As chuvas, as enchentes e o período eleitoral

Até quando teremos que conviver com a falta de planejamento dos Governos quando o assunto é infra-estrutura? Mais do que aceitar as mudanças climáticas e os fenômenos da natureza, temos que assistir aos desastres causados pelo descaso dos nossos governantes com questões históricas, como a ocupação desordenada de morros e de outras áreas que com o tempo se revelam impróprias para a construção de casas e surgimento de comunidades.

A problemática não é localizada e nem se restringe a Sergipe. Prova disso é a grande tragédia que assola Niterói, no Rio de Janeiro. Já são mais de 200 mortos, sendo a grande maioria no morro do Bumba. Ainda assim, não podemos nos conformar com as destruições que se repetem todos os anos, principalmente, na capital. Aracaju se vangloria por ser uma cidade sem favelas, contudo convive com a ocupação de áreas de risco sem nada fazer para impedir as pequenas tragédias de inverno.
O bairro Santa Maria é um bom exemplo dessa situação. Centenas de famílias se amonto…

"Disso quis eu fazer poesia"

"A história humana não se desenrola apenas nos campos de batalha e nos gabinetes presidenciais. Ela se desenrola também nos quintais, entre plantas e galinhas; nas ruas de subúrbio, nas casas de jogo, nos prostíbulos, nos colégios, nas ruínas, nos namoros de esquina. Disso quis eu fazer a minha poesia, dessa vida obscura e injustiçada, porque o canto não pode ser uma traição à vida, e só é justo cantar se o nosso canto arrasta consigo as pessoas e as coisas que não têm voz"

O texto acima é de Ferreira Gular e diz muito sobre o fazer jornalístico, sobre a capacidade do jornalista de perceber o que acontece a sua volta e da responsabilidade que ele assume ao dar ênfase a certas coberturas e/ou acontecimentos em detrimentos de outros. Sei que o dia do jornalista já passou. Foi no dia último 7, mas ainda assim deixo o meu recado, a partir do que Ferreira Gular escreveu e porque todo dia (todo dia mesmo) é dia do jornalista. Dia de trabalho, dia de apuração, dia de buscar o fato m…

João nos passos de Serra

A semana se inicia com a informação de que o ex-governador de São Paulo e agora (confirmado) pré-candidato do PSDB à Presidência da Republica, José Serra, virá a Sergipe para o lançamento da também pré-candidatura do ex-governador João Alves Filho, DEM, ao Governo do Estado. Ainda não há uma confirmação, mas o que se diz pelos sites locais é de que esta visita deve ocorrer nos próximos dias.
Já estava mais do que na hora de João Alves declarar (claramente) que é candidato e que está disposto a um novo embate com Marcelo Déda, PT. Assim como Serra, João protelou – e ainda protela ao máximo – a oficialização da sua pré-candidatura. Ainda não se sabe que reflexos isso terá na campanha.Neste sábado, dia 10, Serra lança oficialmente sua pré-candidatura em disputado evento que está sendo organizado pela cúpula do PSDB. O (atrasado) lançamento deveria ter ocorrido no início do ano, mas por imposição do ex-governador de São Paulo só irá ocorrer agora, depois do prazo final de desincompatibili…