sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Pseudolideranças como aliados

Serve de reflexão a declaração feita pelo secretário de Desenvolvimento Econômico, Jorge Santana, nesta manhã no Twitter. Vejam só: "Não entendo a lógica da política quando se atrai como aliados pseudolideranças que não têm voto, não formam opinião e ainda são desleais contumazes".

De quem ele estaria falando? Aos analistas de plantão não faltam opções, pois na diversidade de alianças formadas aos redor de Marcelo Déda (PT) há todo tipo de "pseudoliderança". E para entender ou decifrar a declaração de Jorge Santana é só olhar para os fatos mais recentes, para as atuais dores de cabeça do governador.

Em nome da governabilidade, os "desleais contumazes" servem para atender aos interesses de outros "aliados", aos "amigos da onça", e assim trabalham para tentar implodir o projeto que está em curso no Estado. Que não consigam!

Nenhum comentário: