quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Petistas disputam presidência da Câmara; deputados do PSC querem Mesa Diretora da AL

As disputas pelas presidências das principais casas legislativas de Sergipe prometem movimentar o final deste ano e o início de 2010. As eleições para escolha do novo presidente da Câmara de Vereadores de Aracaju e da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa de Sergipe só acontecem em fevereiro, mas os parlamentares/candidatos já se articulam.

Na verdade, em cada casa, candidatos de um mesmo partido começam a luta pelo apoio da maioria. Buscam a unanimidade. Na Câmara, o embate se dá entre dois petistas e na Assembleia, três deputados do PSC buscam “o lugar ao Sol”.

No caso da Câmara, o atual presidente Emanuel Nascimento deve travar uma disputa com o vereador Robson Viana dentro do PT. Ambos querem a presidência. Embora outros candidatos estejam no páreo (Fábio Mitidieri, do PDT, e Elber Batalha, do PSB), a presidência deve se manter nas mãos do PT. Resta saber de qual petista. A disputa interna já começou.

Na Assembleia, a briga se dá entre deputados do PSC, Angélica Guimarães, Susana Azevedo e Zeca da Silva. A primeira, que está presidente em substituição a Ulices Andrade (PDT), que renunciou ao mandato para se tornar conselheiro do TCE, quer se manter no cargo pelos próximos dois anos.

Susana já disse em entrevista que há um acordo entre os parlamentares do bloco liderado pelos irmãos Amorim de que os deputados que participaram da Mesa Diretora na atual legislatura não participarão da próxima. Nesse caso, Angélica estaria fora.

No entanto, Angélica afirmou na semana passada que este acordo é de 2006 e que não foi cumprido em 2008. Ou seja, ela continua na disputa. Zeca da Silva, o mais quieto, mas não menos articulador, foi o primeiro a lançar sua candidatura ainda em outubro. Já se fala, inclusive, num acordo entre Zeca e Susana para não permitir a vitória de Angélica. Não será uma disputa fácil entre os “socialistas cristãos”.

Nenhum comentário: