terça-feira, 2 de novembro de 2010

O que os políticos disseram no Twitter?

Fotos do Twitter de Marcelo Déda
Passada a eleição do segundo turno, fiquei na expectativa sobre os twetts dos políticos diretamente envolvidos nesta eleição. O que iriam postar Dilma, Serra, Índio, Roberto Jeferson, Déda, Nilson Lima, Valadares, ACM Neto e companhia limitada? Enfim, o que falariam as vozes políticas de Sergipe e do Brasil, diante do resultado? Vamos ver:

Começando pelo político mais popular do Twitter e também o candidato derrotado nas urnas no domingo, José Serra. Na segunda-feira, ele postou: “Sou muito grato aos 43,6 milhões de brasileiros e brasileiras que votaram em mim. E agradeço especialmente a vocês aqui do Twitter por tudo”. Mas não parou por aí. Disse mais: “Obrigado a vocês, militantes que lutaram aqui na internet e nas ruas por um Brasil soberano, democrático e que seja propriedade do seu povo”.

Serra agradeceu ainda mais o apoio dos seus seguidores no Twitter: “Sem perder tempo atacou seus opositores: “Disse no meu discurso ontem que nesses meses duríssimos, onde enfrentamos forças terríveis, vocês alcançaram uma vitória estratégica no Brasil. Que cavaram uma grande trincheira, construíram uma fortaleza, consolidaram um campo político de defesa da liberdade e da democracia do Brasil”.

O presidenciável do PSDB reiterou que não deixará a vida política: “Por isso, eu disse ontem e repito aqui: a minha mensagem de despedida não é um adeus, mas um até logo. A luta continua. Viva o Brasil!”. Além disso, Serra afirmou que “recebemos com respeito e humildade a voz do povo. Ontem cumprimentei a candidata eleita e desejei que ela faça bem para o país”.

DILMA, INDIO, ACM NETO E MARINA

A presidente eleita Dilma Rousseff foi mais econômica nas palavras via Twitter. “É uma honra e uma grande emoção ser escolhida para presidir meu país. Prometo a cada brasileiro e a cada brasileira minha total dedicação”, disse.

Da mesma forma, o candidato a vice de Serra, Indio da Costa, limitou-se a um agradecimento com menos de 140 caracteres: “Agradeço a todos o carinho e atenção dedicados a mim durante a campanha”, afirmou.

O deputado federal ACM Neto usou o twitter para elogiar o discurso de Dilma, mesmo sendo ele de oposição. “Reconheço que o discurso da presidente eleita, Dilma Rousseff, foi preciso. Agora, vamos esperar por suas ações e promessas”, disse.

A presidenciável do PV, Marina Silva, parabenizou Dilma pelo Twitter: “Quero parabenizar a ministra Dilma duas vezes. Por sua eleição como presidente e por ser a primeira mulher eleita para o cargo na República. Aquela que era a candidata de uma parte dos brasileiros, a partir de agora, é a presidente eleita de todos nós”.

EM SERGIPE

O sempre polêmico Jackson Barreto utilizou o Twitter para agradecer ao povo pela vitória de Dilma, mas também para ironizar adversários. “Quero parabenizar o povo pela vitória de Dilma. Estou torcendo para ela fazer um grande governo e não se afastar de coisas importantes: Dilma não pode se afastar dos compromissos com o povo; do braço de Lula e da presença de Deus nos seus atos”.

Em relação aos adversários mirou os 140 caracteres em João Alves Filho, candidato derrotado do DEM ao Governo de Sergipe. “Quanto a João, se esperava um emprego de Serra, vai ter que esperar mais um pouco. Aconselho João a fazer um novo outdoor: ao invés de ‘vou continuar trabalhando’, poderia colocar ‘vou continuar parasitando’.

O governador Marcelo Déda também recorreu ao Twitter para manifestar sua alegria diante da vitória de Dilma. Direto de Brasília, Déda postou fotos exclusivas do encontro de Dilma e Lula, que foram parar na capa do jornal O Globo.

“Agora não tem mais jeito: o Brasil elegeu a primeira mulher Presidente: o nome dela é DILMA. Sergipe ajudou o país a fazer história! Recado para nossa militância em Sergipe: vão para a rua e comemorem! Em paz, respeitando os adversários, mas com muita alegria! Vocês venceram!”, postou Déda assim que se confirmou matematicamente a vitória de Dilma no domingo.

Até hoje, o senador Valadares não havia postado nada no Twitter sobre a vitória de Dilma. Da oposição sergipana, todos continuavam calados. Nilson Lima não atualiza o Twitter desde a semana passada e o ex-governador João Alves Filho deixou o Twitter desde a derrota no primeiro turno.

Nenhum comentário: